Junte-se a 133.143 pessoas

Entre gratuitamente na Lista de E-mail para receber conteúdos exclusivos

Perguntas e Respostas de Crédito e Cobrança

Fórum de discussão para profissionais de crédito e cobrança.
  1. Cobrança
  2. 2007-02-06
  3.  Assinar via e-mail
Na empresa que trabalho, há vários clientes inadimplentes, cheques devolvidos. A negociação não esta tendo efeito, já mandei varias cartas, entrei em contato e nada resolveu. Estou em dúvida se protesto os cheques, pois os valores são pequenos, porém juntos darão uma boa quantia. Também tenho dúvida em relação aos clientes, pois, já estão protestados em cartório, será que a cobrança judicial ajudaria? Os valores também são pequenos. Pois, é cansativo, desgastante e perde-se muito tempo com esses clientes.
Resposta Aceita Pending Moderation
Kátia, Aqui, quando eu tenho um problema de Atrasos, a primeira providência é travar as vendas para o cliente problemático. Agora, se o caso é inadimplência, o melhor a fazer, na minha opinião, é começar do zero. Passe os títulos para uma empresa especializada na cobrança e destine seu tempo aos novos processos. Veja, você perde tempo cobrando os casos antigos e poderá deixar os novos processos de lado. Mas, escolha uma boa empresa, cobre relatórios atualizados para acompanhamento. Com relação as cobrança Judicial, aqui eu trabalho com valores acima de vinte mil para Execução, dependendo da região e da situação, se for Manaus, por exemplo. Na minha opinião, é necessário se pensar em uma análise de crédito mais rigorosa para se evitar este tipo de problemas, já que existe uma máxima que diz “não há cobrança que faça milagres para uma análise mal feita”. Quando um analista erra e libera crédito a um cliente problemático, você não tem como recuperar este valor... é obvio que existem outros fatores... Boa sorte! Espero ter ajudado!
  1. 2007-02-13
  2. Cobrança
Resposta Aceita Pending Moderation
Boa Tarde Katia, Aqui quando tenho este tipo de problema sempre protesto os cheques, independente do valor.. Pois, depois que eles caducam, se você não tiver uma Nota Fiscal dificilmente conseguirá fazer a cobrança. Com relação ao aspecto jurídico, nem sempre vale a pena chegar as vias de tribunal. Pois, dependendo do valor da dívida o processo sairá maior do que o valor a ser recebido. No caso de cobrança amigável via escritório jurídico, cada um tem a sua política, mas nem todos, no caso de pessoa física, pegam dívidas inferiores à R$ 3.000,00. Algum colega poderia nos dar sugestões de procedimentos?
  1. 2007-08-08
  2. Cobrança
Resposta Aceita Pending Moderation
Geralmente enviamos os títulos para uma Assessoria de Cobrança Externa e bloqueamos as vendas. Se o valor for muito expressivo, aí acho que vale a pena ir para as vias judiciais. Agora se o valor for baixo, envie para Assessoria de Cobrança Externa. Além de não ter que ficar ligando para os clientes (custo telefônico + tempo de serviço) você poderá utilizar o seu tempo para clientes que realmente valham a pena. Abraços, Carlos Juari
  1. 2007-08-16
  2. Cobrança
Resposta Aceita Pending Moderation
Concordo com os colegas que responderam a enquete, mas faço uma ressalva: Protestar um cheque que já tenha sido devolvido por duas vezes, ao meu ver, é jogar dinheiro fora, visto que os mesmos serão automaticamente incluídos no CCF. Acredito que a melhor solução seja enviá-los para uma empresa de cobrança externa. Com relação aos valores a serem protestados ou enviados para cobrança de terceiros, cada empresa deve adotar um patamar que julgar adequado, de acordo com seu perfil de venda. Espero ter ajudado. Felicidades.
  1. 2007-08-22
  2. Cobrança
  • Página :
  • 1

Envie sua Resposta

Voltar ao Topo