Perguntas e Respostas de Crédito e Cobrança

Fórum de discussão para profissionais de crédito e cobrança.
  1. Ana Maria Cabral
  2. Cobrança
  3. Quarta, 05 Agosto 2009, 08:00 AM
  4.  Assinar via e-mail
Qual a diferença entre juros de mora e multa por atraso?
Quanto posso cobrar por cada um deles?
herbert thomann Melhor Resposta
0
Votos
Desfazer
Juros de mora - é o percentual de 1% ao mês sobre o valor principal.
Multa por atraso - é o valor de 2% acrescido uma única vez sobre o valor do principal.

Multa por atraso, então, é uma multa por você não ter pago no vencimento; e
Juros é a monta que você paga, percentualmente sobre o principal, por dia de atraso.
Comentar
Não foram feitos comentários ainda.
André Meira Melhor Resposta
0
Votos
Desfazer
Concordo com a resposta anterior, mas quero complementar:

Os percentuais máximos previstos em Lei:

Juros = 1% a.m.
Multa = 2% sobre o principal
Comentar
Não foram feitos comentários ainda.
Fernando Cesar Rosa Melhor Resposta
0
Votos
Desfazer
Boa Noite!

Sobre a questão legal do juros de 1% ao mês está correta.
Porém, queria saber de onde saiu esses 2% de multa?
Para lembrar, não há como cobrar multa se não está firmado em contrato.
Se estiver, pode cobrar o valor de até 20% como Clausula Penal, porém não poderá pleitear mais perdas e danos.
Abraços!
Comentar
Não foram feitos comentários ainda.
herbert thomann Melhor Resposta
0
Votos
Desfazer
Boa complementação Fernando.

A multa só poderá ser cobrada em caso de ser especificada em clausula penal. Esqueci de pronunciar isso em meu comentário anterior.

Grato pela complementação.
Comentar
Não foram feitos comentários ainda.
Andrey Lima Melhor Resposta
0
Votos
Desfazer
Certo...

E se ainda que sem um contrato no ato da cobrança aplicar a porcentagem da multa, até onde o devedor pode ganhar com isso??
Comentar
Não foram feitos comentários ainda.
Wellington Nunes Melhor Resposta
0
Votos
Desfazer
Olha gente, respeito a opinião de todos, porem também tenho a minha:

No caso, existem 2 tipos de devedores, os honestos (que querem mas não podem pagar) e os "pilantras" (que não querem mas podem ou não pagar).

Mas independente disso, vejam bem, é difícil e tem muitos custos ter uma empresa, a gente vende, e quando a pessoa não paga, é prejuízo, é dinheiro que se vai e continua indo... cada carta de cobrança é papel desperdiçado, cada e-mail enviado é tempo desperdiçado, cada telefonema feito é mais dinheiro que vai embora quando eu pagar a conta do telefone, que poderia ser utilizado para algo lucrativo, não sei se entendem meu lado, mas, existem contas que levam meses pra serem recebidas, e por todo prejuízo e aborrecimento que temos, muitas vezes tudo o que ganhamos são míseros centavos de juros. Acho essa lei que limita a 2% INJUSTA E IMORAL.

Sim, eu disse IMORAL, pois trata-se de uma apologia à inadimplência, entendo a situação de quem deve e não pode pagar porque não tem recursos, porem, se a pessoa não sabe administrar seu próprio dinheiro ou aconteceu alguma fatalidade, eu não posso pagar por isso - não é culpa minha - não é problema meu, e também não posso me tornar inadimplente com meus credores porque meus clientes são assim comigo, eles não tem nada a ver com isso.

Quero também deixar bem claro que minha intensão, ao escrever essas palavras, não é discriminar ou constranger a quem deve, muito pelo contrário, apenas quero defender meu direito de receber pelo que vendo.

Obrigado! E espero que entendam minha opinião.
Comentar
Não foram feitos comentários ainda.
Luana Caponegro Melhor Resposta
0
Votos
Desfazer
Eu concordo com Wellington.


Preciso de um esclarecimento: juros quando ultrapassados a cobrança de 2%, o meu cliente tem o direito de se recusar a pagar?
Comentar
Não foram feitos comentários ainda.
  • Página :
  • 1


Não há mais respostas para esse post.
Você precisar estar logado para responder este post.

Material Grátis

Curso Analise de Crédito

Cursos

Curso Analise de Crédito

 

Curso de Cobrança

Estou iniciando nesta área e vocês estão me proporcionando muitos conhecimentos. Desde já agradeço a atenção.

Lucia Maria 08/07/2009

Vocês são 10... ou melhor 1000... Muito obrigada pela ajuda de sempre. Parabéns pelo trabalho!

Ana Lúcia 01/07/2010

Muito bom este site, obrigado!

Nelson Medeiros 28/07/2009

Indique um amigo